Tim Burton/Johnny Depp
sweeneytoddshooting007

A dobradinha mais famosa do cinema moderno. A parceria começou no clássico Edward mãos de Tesoura (1990), de lá pra cá eles já fizeram mais 7 filmes: Ed Wood (1994), A lenda do Cavaleiro Sem Cabeça (1999), a animação A noiva cadáver(2005), o remake de A Fantástica Fábrica de Chocolate(2005), o musical Sweeney Todd – O Bareiro demoníco da Rua Fleet (2007), Alice no País das Maravilhas (2010) e Sombras da Noite (2012). Um novo trabalho juntos ainda não foi marcado, e apesar dos pesares é quase impossível não acontecer. Vale lembrar de Helena Bonaham Carter, ex-companheiro de Burton participou igualmente de 7 filmes.

Martin Scorsese/Robert DeNiro

TAXI DRIVER, Robert De Niro, Martin Scorsese, 1976

Duas das maiores estrelas que surgiram no início dos anos 70, década conhecida como a nova Hollywood. A parceria começou em Caminhos Perigosos (1973), drama sobre o crime local de Nova York e cresceu de forma estratosféricas no aclamado Taxi Driver (1976), seguindo do romance musical New York, New York (1977), no injustiçado Touro Indomável (1980), na comédia dramática O Rei da Comédia (1983) e em Os Bons Companheiros (1990). Sua última parceria foi em 1995 em Cassino. Entretanto uma nova união é prevista pra acontecer em The Irishman, ainda sem data marcada para a estreia e que pode reunir também, Al Pacino e Joe Pesci.

Martin Scorsese/Leonardo DiCaprio
the-departed-martin-scorsese-leonardo-dicaprio

Martin Scorsese encontrou em Leonardo DiCaprio o substituto a altura de Robert De Niro pra protagonizar suas histórias. Entre Gangues de Nova York (2002), O Aviador (2004), Os Infiltrados (2006), Ilha do medo (2010) e o Lobo de Wall Strett (2013), fica difícil escolher qual é o melhor. Se depender desses dois e dos seus fãs, ainda veremos mais ótimos trabalhos juntos.

Steven Spielberg/Tom Hanks
steven_spielberg-tom_hanks

É difícil encontrar alguém que fale mal de Steven Spielberg, principalmente se trabalhou com o mesmo, (invejosos não contam). Quem pode muito bem falar isso é Tom Hanks que trabalhou com ele, até agora, em 4 super-produções. No épico de guerra O Resgate do Soldado Ryan (1998), no policial Prenda-me se for Capaz (2002), no drama real O Terminal (2004) e mais recentemente em Ponte de Espiões (2015). Sem falar da união pra produzir a conceituada série Band of Brother (2001) e sua continuação 9 anos depois, O Pacífico (2010).

Ron Howard/Tom Hanks
ronhowardtomhanksfelicityjonesinfernomovie

Se Steven Spielberg é um bom diretor para se trabalhar junto, Tom Hanks é o ator que todos querem em seus filmes. Ron Howard que o diga. A primeira parceria começou no clássico da sessão da tarde: Splash: Uma seria em minha vida (1984), depois veio Apollo 13 (1995) e a partir de 2006 nas adaptações dos livros de Dan Brown, O Código da Vince (2006), Anjos e Demônios (2009) e Inferno (2016), filme que estreia nos cinemas essa semana. Tom também protagonizou Forrest Gump (1994) e O Náufrago de Robert Zemeckis.

Tony Scott/Denzel Washington
tony-denzel

O primeiro trabalho juntos da dupla foi em Maré Vermelha (1995), thriller sobre um conflito interno entre oficiais de um submarino nuclear americano. Se reencontraram no elogiadíssimo Chamas da Vingança (2004), Deja Vu (2006) e O seqüestro do Metrô 1 2 3. Seu último trabalho juntos foi em Incontrolável (2010), último trabalho como diretor de Tony Scott que se suicidou em 2012. Denzel fez alguns filmes também com Antonie Fuqua, sendo o mais recente o remake de Sete Homens e um Destino (2016) e Spike Lee, sendo o mais famoso Malcolm X (1992).

Ridley Scott/Russel Crowe
robinhoodpic17

Se Denzel era o ator favorito de Tony Scott, seu irmão Ridley gosta de trabalhar com Russel Crowe. Seu primeiro trabalho juntos foi em Gladiador (2000) filme que levou 5 oscars, incluindo melhor ator e melhor filme. Depois veio Um Bom Ano (2006), e O Gangstêr (2007), Rede de Mentiras (2008), e Robin Hood (2010).

Christopher Nolan/Michael Caine
tumblr_inline_nys2oaiwsa1shx9h6_500

Christopher Nolan encontrou em Michael Caine o ator perfeito pra fazer o mentor de seus protagonistas. Começou Em Batman Begins (2005) como Alfreld Pennyworth, papel que reprisou em O Cavaleiro das Trevas (2008) e O Cavaleiro das Trevas Ressurge (2012). Papéis semelhantes ele fez O Grande Truque (2006), A Origem (2010), Interstellar (2014).

Quentin Tarantino/Samuel L’ Jackson
quentin-tarantino-samuel-l-jackson

De 8 longas que Quentin Tarantino dirigiu sozinho, Samuel L’ Jackson apareceu em 6. Seja apenas narrando, como é o caso de Kill Bill Vol. 2 (2004) e Bastardos Inglórios (2009). Como protagonista em Pulp Fiction (1994), e Os 8 Odiados (2015), ou como coadjuvante que rouba a cena como em Jackie Brown (1997) e Django Livre (2012).

Pedro Almodóvar/Penélope Cruz
005-penelope-cruz-and-pedro-almodovar-theredlist

Penélope Cruz é a menina dos olhos do diretor espanhol Pedro Almodóvar. Começou com um breve participação em Carne Trêmula (1997), virou coadjuvante em Tudo Sobre Minha Mãe (1999), até se tornar a protagonista em Volver (2006) e Abraços Partidos (2009). Seu último trabalho juntos foi na comédia Amantes Passageiros (2013).

Paul Thomas Anderson/Philip Seymour Hoffman
54d45f220f843_-_ptapshhires

O primeiro trabalho de uma das maiores promessas do cinema moderno Paul Thomas Anderson, Jogado de Risco (1996), já contava com o expoente Philip Seymour Hoffman. Em seu segundo e conceituado longa, Boogie Nights (1997), lá estava Philip Seymour Hoffman. Na sua obra prima Magnólia (1999) também. Na comédia dramática Embriagado de Amor (2002) protagonizada por Adam Sandler, de novo, assim como no indicado ao Oscar, O Mestre (2012). O último trabalho juntos dos dois e o último grande filme de Hoffman, que morreu vítima de overdose em fevereiro de 2014.

Wes Anderson/Owen Wilson
wes-anderson-2-43

Das loucuras cinematográficas que Wes Anderson faz, o amigo Owen Wilson é quase onipresente. De 8 longas que Wes dirigiu, Owen esteve presente em 7. São eles: Pura Adrenalina (1996), Três é demais (1998), Os Excêntricos Tenenbauns (2001), A Vida Marinha de Steve Zissou (2004), Viagem a Darjeeling (2007), O Fantástico Sr. Raposa (2009), e Moonrise Kingdom (2012). Vale destacar que além de Owen, Jason Schwartzman é colaborador constante do diretor também.

Richard Linklater/Ethan Hawke
54cfd3a8e90ac_-_esq-linklater-hawke-pp

Ethan Hawke é a personificação de Richard Linklater em seus filmes. A parceria começou no romance Antes do Amanhecer (1995), história de romance de um final de semana que Linklater escreveu inspirado em sua própria experiência de vida. Depois veio Newton Boys – Irmãos-Fora-da-Lei (1998), Waking Life (2001), Amargo Reencontro (2001), Antes do Pôr-do-Sol (2004) continuação de Antes do Amanhecer, e 9 anos depois novamente em Antes da Meia-Noite (2013). O último trabalho juntos da dupla foi no comentadíssimo Boyhood (2014), filme que levou 12 anos para ser concluído.

Roger Corman/Vicent Price
roger-corman-e-vincent-price
O mestre do cinema B de Hollywood que inspirou vários diretores que vierem depois dele, gostava de ter Vicent Price, ídolo de Tim Burton, em suas produções. Foram elas: O Solar Maldito (1960), O Poço e o Pendulo (1961), A Torre de Londres (1962), Muralhas do Pavor (1962), O Corvo (1963), O Castelo Assombrado (1963), Túmulo Sinistro (1964), e A Orgia da Morte (1964).

Woody Allen/Mia Farrow
woody

Com mais de 40 anos de carreira e lançando ao menos 1 filme por ano, vários atores trabalharam inúmeras vezes com Woody Allen, entre eles: Scarlett Johansson (3), Tony Darrow (6) e Fred Melamed (7), Diane Keaton (8). Mas  com certeza a mais lembrada e polemica é Mia Farrow, ex-companheira de Allen que participou de 13 longas do diretor: Sonhos Eróticos numa Noite de Verão (1982), Zelig (1983), Broadway Danny Rose (1984), A Rosa Púrpura do Cairo (1985) , Hannah e Suas Irmãs (1986), A Era do Rádio (1987), Setembro (1987), A Outra (1988), New York Stories (1989), Crimes e Pecados (1989), Alice (1990) , Neblina e Sombras (1991) e Maridos e Esposas (1992).

John Ford/John Wayne
john-ford_1652678c

Quase 25 anos de parceria e totalizando juntos 14 filmes, John & John trabalharam juntos em obras como: No Tempo das Diligências (1939), Sangue de Heróis (1948), Rastros de Ódio (1956), O Homem que Matou Facínora (1962) e A Conquista do Oeste (1962).

Akira Kurosawa/Toshiro Mifune
kurosawa-mifune-venice-600x351

O maior diretor japonês da história trabalhou em 16 filmes com seu astro favorito Toshiro Mifune. Começaram em o Anjo Embriagado (1948), passando por Rashmon (1950), Os Sete Samurais (1954), Trono Manchado de Sangue (1957), Yojimbo, O Guarda-Costas (1961) e O Barba Ruiva (1965). Apenas pra cita alguns, claro.

 

MAIS:

Blake Edwards/Peter Sellers
tumblr_mdi3d56poi1rovfcgo1_500

David Fincher/Brad Pitt
david-pitt
Alfred Hitchcock/James Stewart
James Stewart & Alfred Hitchcock

Sam Raimi/Bruce Campbell
bruce-campbell-sam-raimi